Estrada do Encanamento, 675.

Casa forte

info@emporiopernambucano.com.br

Tel: (81) 9 7914-3028

© 2015 por Empório Pernambucano

  • White Facebook Icon
  • White Twitter Icon
  • White Instagram Icon

Clube das Pás, 130 anos de Frevo!

January 14, 2018

 

 

Universidade do Frevo, o clube das Pás, é também o mais tradicional espaço de gafieira de Pernambuco, este ano comemora 130 anos de carnaval.

 

O ano era de 1888, meses antes da abolição oficial da escravidão. Entre as tensões sociais de uma cidade que a pouco havia sido centro de três grandes rebeliões populares, o Recife literalmente fervia embalado por um ritmo próprio: A marcha Pernambucana. Era sábado de carnaval e no porto do Recife um navio inglês precisava ser carregado rapidamente, não havia mão-de-obra para o trabalho, a agência do navio então oferece o salário dobrado para quem aceitar carrega-lo.

 

Um grupo de carvoeiros aceita carregar a embarcação. Ao fim do dia, recebido o montante eles seguem felizes pelas ruas do bairro com seus instrumentos de trabalho em mãos atrás das troças e blocos. São eles que fundam o “Bloco das pás de carvão”, que em 1890 torna-se o “Clube Carnavalesco Misto das Pás”, também conhecido como “Pás de ouro” ou “Douradinha”,  hoje reconhecido simplesmente como “Clube das Pás”.

 

Os clubes carnavalescos surgem no Recife na segunda metade do século XIX como forma de driblar as proibições estatais. Enquanto no Rio estas proibições levaram a cidade a adotar um carnaval ao estilo Europeu, no Recife, onde se respirava agitação e rebeldia, a proibição foi driblada com a fundação dos clubes carnavalescos organizados a partir de categorias profissionais. Desta forma, no final do século XIX e início do século XX, surgem no Recife o Clube das Pás de carvão (1888),  o clube dos Vassourinhas (1889), dos Lenhadores (1889),  dos Toureiros de Santo Antônio (1914), Pão Duro (1916), Pavão Misterioso (1919), Operários em Greve, entre outros. 

 

Por sua vez, a cada 13 de Maio - dia da Abolição da Escravatura - o clube das Pás realizava uma passeata pelo Recife, em homenagem ao pernambucano e abolicionista Joaquim Nabuco.

 

Hoje 130 anos depois daquele desfile de homens sujos de carvão  carregando orgulhosamente seus instrumentos de trabalho, O Clube das Pás transformou-se no mais tradicional espaço de gafieira do Estado de Pernambuco; e, além dos frevos de carnaval, sua orquestra toca rumbas, salsas, merengues, forrós, tangos, boleros e sambas.

 

Leia Mais:

O Frevo não convida, arrasta

 

Conheça nossa loja online com o melhor do nordeste

 

 

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Blog

Posts em Destaque

Engenho São Pedro e a produção de Cachaça ecologicamente correta

May 5, 2018

1/10
Please reload

Arquivos
Please reload

Siga nos
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Instagram Icon